Jornal do Cariri
Impresso
x
Acesse sua conta
Em breve.
Baixar Versão impressa
Bolsonaro inaugura Transposição sem a presença de Camilo
Inauguração em meio a pandemia pode ter inibido políticos
Arnon Bezerra e o deputado Pedro Bezerra recepcionaram o presidente. Foto: Reprodução Instagram
Robson Roque
26/06 17:18

A vinda do presidente Jair Bolsonaro ao Cariri foi marcada pela ausência de lideranças políticas locais e do governador Camilo Santana. Bolsonaro esteve na região nesta sexta-feira (26) - pela primeira vez no Ceará, como presidente - para inaugurar a chegada das águas da Transposição do Rio São Francisco no Estado. Foram notadas as presenças do prefeito de Juazeiro do Norte, Arnon Bezerra (PTB), o deputado federal Pedro Bezerra (PTB), filho de Arnon, e o secretário de Esporte e Juventude Luciano Basílio.

O Ministro do Desenvolvimento, Rogério Marinho, minimizou a ausência de governadores. Marinho esteve com os quatro governadores de Estados beneficiados com a Transposição: além de Camilo, João Azevêdo, de Pernambuco, Paulo Câmara; e do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra. "Primeiro é importante colocar que estamos vivendo um momento de exceção, então compreendemos aqueles que por ventura entenderam que pode haver alguma dificuldade na sua locomoção para um local em que pode haver um ajuntamento de pessoas", afirmou Marinho.

Camilo Santana, que já tinha apontado o isolamento social para justificar a ausência, utilizou as redes sociais para pacificar os embates sobre quem seria “o pai da obra”: Lula, que iniciou o projeto atual, ou Bolsonaro, que inaugurou a chegada das águas. Desse modo, Camilo citou todos os presidentes que passaram pelo desenvolvimento da transposição: Lula, Dilma, Temer e Bolsonaro. Também citou Ciro Gomes, ministro da Integração Nacional do Governo Lula, que teve participação no projeto.

Deputados e apoiadores

Deputados estaduais e federais acompanharam a visita de Jair Bolsonaro ao Cariri. Entre eles estavam os federais: Dr. Jaziel (PL), Capitão Wagner (Pros), Pedro Bezerra (PRTB) e Danilo Forte (PSDB); os estaduais André Fernandes (PSL), Dra. Silvana (PL) e Delegado Cavalcante (PSL); e o federal licenciado, Roberto Pessoa (PSDB). O filho do presidente, Eduardo Bolsonaro, também esteve na região.

Apoiadores do presidente também estiveram no aeroporto Orlando Bezerra, em Juazeiro, à espera de serem recebidos por Jair Bolsonaro, o que não aconteceu. Em Penaforte, apoiadores acenaram para o helicóptero que conduzia o presidente e sobrevoava de obras da transposição no município.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ