Jornal do Cariri
Impresso
x
Acesse sua conta
Em breve.
Baixar Versão impressa
Três PMs teriam exigido R$ 150 mil para não matar homem em Crato
Os três policiais estão presos e poderão responder criminalmente além de enfrentar processo interno
Foto: Governo do Ceará

Com informações do Jornal O Povo

A Controladoria Geral de Disciplina dos Órgãos de Segurança Pública (CGD) do Ceará instaurou um Conselho de Disciplina contra três policiais militares - um sargento, um cabo e um soldado - suspeitos de extorquir um homem em Crato. Segundo o procedimento, eles teriam pedido R$ 150 mil para não matar um homem. 

Todos os três foram afastados preventivamente. “A documentação acostada aos autos consolida de forma clara e cristalina, os indícios de autoria e materialidade”, diz o documento que instaura o processo. Além de internamente, os policiais também poderão responder criminalmente. O Ministério Público do Ceará já havia denunciado o trio e um vendedor que também teria participado do crime.

De acordo com a denúncia, o homem foi abordado em Crato no último 28 de janeiro e forçado a entrar num carro sob ameaça de um arma apontada para sua cintura. Um deles teria dito: “se você não colaborar vou colocar cinco homicídios nas suas costas!”, “eu vou colocar um tráfico em você!” e “eu tenho escuta contra você!”. A vítima teve cinco dias para pagar os R$ 150 mil, mas recorreu ao MPCE, que acionou a Polícia Civil.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ