Jornal do Cariri
Sem boas vindas

Disposto a se aproximar das lideranças políticas do Cariri, o ex-prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, do PDT, vem preparando sua entrada da região. RC, como é conhecido na capital, tenta se viabilizar na disputa ao Governo do Estado, melhorando a relação com o interior. Mas, se depender da base do prefeito Deda Pereira, em Farias Brito, ele vai ter muitas dificuldades. Marcada para esta terça-feira (19), a visita tem sido criticada por aliados de Deda, que também é do PDT. Lideranças ligadas ao prefeito têm mandado recado: não é bem-vindo. Nas redes sociais, um perfil do Facebook ligado a Deda lembrou os vários escândalos envolvendo a gestão de RC. Desvios e superfaturamentos investigados pelo Ministério Público Federal e Controladoria-Geral da União dominam a discussão sobre o pré-candidato ligado aos irmãos Cid e Ciro Gomes. Deda apoia o deputado Mauro Filho na disputa interna. O desgaste pode gerar rupturas.

Com boas vindas

Questionado por uns, reverenciado por outros, essa é a situação do ex-prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, no Cariri. Depois de ser acusado de corrupção por lideranças em Farias Brito – integrantes da mesma base pedetista –, Roberto Cláudio vai receber, no dia 20, o título de cidadão de Nova Olinda. Esperado com pompas, o pré-candidato ao Governo do Estado tem amplo apoio na base do prefeito Ítalo Brito, do PP. A articulação para a sessão solene é da presidenta, vereadora Lurdes da Saúde, também do PP. Mesmo sendo da base governista no Estado, em Nova Olinda, o PP é adversário do PDT local, liderado pelo deputado federal Idilvan Alencar. A dúvida é se Idilvan vai prestigiar o evento articulado pela base do prefeito Ítalo. Sem ter nada com isso, Roberto Cláudio comemora a honraria e o apoio.

Sem unidade

O debate sobre falta de unidade em grupos políticos está novamente em pauta em Farias Brito. Na base de oposição, há muita repercussão com as diferentes candidaturas defendidas pelos ex-prefeitos Vandevelder Freitas e Zé Maria. Apesar de aliados históricos, Vandevelder vai de Fernando Santana e Zé Maria de Agenor Neto. No Município, a especulação é que os dois romperam e a divisão mostrará quem é mais forte. Zé Maria já se articula com os vereadores Júnior da Betânia e Valdemir da Betânia, além do suplente Salviano da Cariutaba. O grupo tem sido avaliado como possível ameaça ao comando de Vandevelder, mas aliados de Vandevelder garantem que tudo não passa de uma estratégia para enfraquecer o prefeito Deda Pereira. A ideia seria o grupo fazer o primeiro e o segundo colocado na disputa estadual e depois voltar a se unir.

E agora?

Depois de segurar por anos o rateio dos precatórios do antigo Fundef aos professores, o prefeito de Altaneira, Dariomar Rodrigues, parece ter sido vencido. Dariomar Rodrigues disse que uma decisão judicial faria uma reviravolta no debate, garantindo que os valores seriam usados para benefícios aos alunos da rede pública municipal. A retenção dos recursos tem sido questionada pelos professores, que ingressaram com várias ações judiciais, inclusive coletiva, tendo à frente o sindicato. O problema para Dariomar é que a decisão judicial esperada ainda não saiu, e o presidente Jair Bolsonaro publicou no Diário Oficial, no dia 13 deste mês, sanção da lei que estabelece que os recursos devem ser, realmente, distribuídos com os professores. A lei especifica que estados e municípios definam os critérios, mas que o dinheiro terá que ser distribuído. E agora Dariomar?

Além da fronteira

Depois de conseguir boas articulações políticas em municípios como Aurora, Barro, Mauriti, Milagres, Crato, Juazeiro e Missão Velha, o advogado Juarez Saraiva começa a expandir sua influência buscando se firmar em colégios eleitorais de cidades dos Inhamuns, Sertão Central e Região Metropolitana de Fortaleza. Juarez sabe do potencial do Cariri para eleger representantes para a Assembleia Legislativa e garante que vai ocupar os espaços deixados pela “velha política”. Pré-candidato a deputado estadual, Juarez é recém filiado ao União Brasil, após saída amigável do MDB. Aos amigos, Juarez garante que seus aliados têm peso político e que pode surpreender como candidato novo. Uma das lideranças do Cariri que defendem o nome de Juarez é o prefeito de Aurora, Adailton Macedo. No União Brasil, o nome do caririense é avaliado como favorito. É esperar!

De volta

Quem está de volta ao ninho petista é o ex-prefeito de Araripe, Geovane Guedes. O anúncio foi feito nas redes sociais do deputado federal José Guimarães, no dia 14, em Fortaleza. A reentrada de Geovane no PT foi articulada por Guimarães. Depois de deixar o PT, em 2016, após ser eleito prefeito, Geovane passou pelo PR de Roberto Pessoa, MDB de Eunício Oliveira e PSD de Domingos Filho. Guimarães garante que sua saída jamais deixou mágoas, diferente das outras siglas. Fechado com a reeleição de Guimarães, há quem garanta que Geovane já articula sua candidatura para voltar a Prefeitura em 2024, aproveitando a provável onda Lula. Claro que antes, Geovane precisa refazer toda sua base de apoio depois da derrota nas eleições de 2020, com a candidatura do seu primo Roberto Guedes. Espera contar com os deslizes do atual prefeito Cícero de Deus.

Enquanto isso...

... Em Campos Sales, a Prefeitura Municipal divulgou nota esclarecendo sobre a possibilidade de o Município ficar as escuras. Segundo a nota, em março deste ano, a ENEL notificou o Município sobre a suspensão do fornecimento de energia da iluminação pública, em consequência de um débito de R$ 416 mil. O caso foi parar na Justiça.

... Para a Prefeitura, o valor é referente a um Censo realizado em 2020, onde a ENEL, por metodologia própria, identificou vários pontos de luz de competência do Município que não foram inclusas no parque de iluminação local. Resultado: uma ação judicial que manteve o fornecimento. A Prefeitura alega que não participou do Censo.

... Em Barro, os eleitores parecem assistir o surgimento de uma nova oposição; pelo menos, no discurso. Mesmo sem qualquer expressão política reconhecida pelas atuais lideranças do Município e desistindo de uma pré-candidatura a deputado estadual, o conhecido professor Bezerra, do PCdoB, se lançou como candidato a prefeito em 2024. ... Com discurso forte, o novo opositor garante que a atual gestão do prefeito George Feitosa acontece apenas nas redes sociais. Bezerra não vê conquistas, avalia a gestão como “caseira” e garante ser questão de tempo receber o apoio das forças oposicionistas do Município. Vale salientar que o PCdoB, sequer, participou das últimas eleições em Barro.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ