Jornal do Cariri
Impresso
x
Acesse sua conta
Em breve.
Baixar Versão impressa
Polícia desativa laboratório de drogas em Crato
Laboratório funcionava no estabelecimento comercial de um jovem acusado de homicídio.
Polícia apreendeu drogas e balança de precisão no local. Foto Divulgação
Da Redação
06/01 19:45

A Polícia Civil do Crato desativou um laboratório de drogas que funcionava na casa de um homem preso, na última segunda-feira (4), após ser suspeito da prática de um homicídio no centro da cidade. Danilo Morais Arraes (35), sem antecedentes criminais, foi localizado pela Polícia Militar do Ceará (PMCE), instantes depois da confirmação da morte de André França Sobreira (31), também sem antecedentes criminais. Inicialmente, o homem, que confessou o crime, alegou que a motivação estava relacionada com uma discussão devido a uma dívida de um suposto empréstimo que a vítima teria ido cobrar do suspeito.

Após prestar depoimento na delegacia, os policiais civis não ficaram convencidos da motivação alegada pelo suspeito. Os investigadores passaram a investigar e descobriram que Danilo mantinha um laboratório de drogas no prédio onde funcionava seu estabelecimento comercial e onde o crime foi registrado. Durante as diligências, a Polícia Civil descobriu ainda que André não tinha ido ao local cobrar o suspeito, na verdade, a vítima estava morando na casa do irmão do suspeito, que fica ao lado onde o crime ocorreu. O andamento das investigações aponta que a dupla possuía envolvimento com o tráfico de drogas.

No prédio, no centro do Crato, a Polícia Civil apreendeu 600 gramas de maconha dividido em 28 pacotes, uma estufa, balanças de precisão, maquinetas, além de apetrechos para embalagem dos entorpecentes e uma mala com roupas e documentos da vítima. Diante dos fatos, todo o material encontrado foi apreendido e levado para a sede da delegacia regional da cidade. Danilo, que passou por audiência de custódia e foi liberado para responder pelo crime de homicídio em liberdade, foi novamente preso e autuado em flagrante por tráfico de drogas. A PCCE segue em diligências para capturar os envolvidos na atividade criminosa.

*Com informações da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Estado do Ceará.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ