Jornal do Cariri
Impresso
x
Acesse sua conta
Em breve.
Baixar Versão impressa
Inauguração do Romeirão pode ter clássico entre Brasil x Chile
Com a reforma, Romeirão terá capacidade para receber 17 mil pessoas
Foto: Ceara.gov.br
Luan Moura
04/01 17:28

Marcado para ser inaugurado em março de 2022, o Estádio Mauro Sampaio, Romeirão, deve receber o duelo entre Brasil x Chile, a penúltima partida das duas seleções nas eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022. A informação foi antecipada pelo jornalista Donizete Arruda, na edição do Jornal do Cariri da semana passada: “o governador Camilo Santana articula trazer o jogo das eliminatórias do Brasil contra o Chile para a Arena Romeirão”, escreveu o jornalista na Coluna Rebate. A estrutura do estádio terá capacidade para 17 mil pessoas e está em fase de conclusão, já com o gramado instalado. São 47 mil metros quadrados, com cabines de imprensa, camarotes, praça de alimentação, museu e centro comercial.

O novo estádio promete ser a maior arena esportiva do interior do Nordeste, com possibilidade de receber jogos de grande porte, inclusive de Ceará e Fortaleza no Brasileirão. As novas estruturas foram aprovadas por José Geraldo Olímpio de Souza, o Geraldino Saravá, um dos principais jogadores da História do Cariri. Aos 71 anos, ele é o maior artilheiro tanto do Romeirão como do estádio Castelão, em Fortaleza, com 72 e 98 gols, respectivamente. “Para mim, que sou o maior artilheiro desse estádio, é uma alegria muito grande. Poucas cidades do Brasil têm um estádio como esse. Vai ficar essa história aqui, uma coisa linda dessa. Vai ficar um dos maiores estádios do Interior do Brasil”, disse o ex-jogador.

Transformado em Arena multiuso, o estádio está previsto para ser entregue no primeiro trimestre de 2022 e receberia a partida entre Brasil e Chile, agendada para 24 de março. Apesar de ser um jogo de inauguração, a partida poderá ser definitiva para a seleção chilena. Enquanto o time brasileiro já garantiu, antecipadamente, a vaga na Copa do Mundo 2022, o Chile ocupa, atualmente, a sexta posição das Eliminatórias Sulamericanas, com 16 pontos. Com isso, ficaria de fora da próxima Copa do Mundo e precisa de melhores resultados nas partidas restantes para disputar o mundial de seleções.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ