Jornal do Cariri
Governador Elmano declara guerra às organizações criminosas no Ceará
Leia a Coluna Rebate, escrita por Donizete Arruda
25/06/24 0:00

O governador Elmano de Freitas convocou o Ceará para uma guerra essencial ao nosso futuro: derrotar às facções, que hoje aterrorizam a vida dos cearenses, tanto em Fortaleza quanto nos municípios do interior do Estado. O quadro de violência no Cariri não difere muito do que acontece no Norte do Estado ou na região metropolitana da Capital. Diante de dados de violência que assustam, com 04 cidades do Ceará entre as 50 mais violentas do Brasil, Elmano resolveu assumir o protagonismo dessa guerra contra às organizações criminosas. Trocou o secretário de Segurança Pública, convocou quase 1.000 novos policiais militares, liberou recursos para intensificar o combate sem trégua aos criminosos, com mais policiais nas ruas . Essas medidas duras do governador Elmano para garantir paz ao povo do Ceará, provocou uma reação das facções. Essas organizações resolveram intensificar às agressões à sociedade cearense para intimidar o governador Elmano. Essa estratégia não colou. Elmano reagiu ainda mais firme: “as ações e operações policiais serão ainda mais intensificadas, e todos esses criminosos serão identificados e presos. Se necessário, não hesitarei em solicitar reforço de apoio federal nessa missão. Inclusive, liguei para o ministro da Justiça, Ricardo Lewandowski, relatando a situação (da guerra aberta contra às facções) . Os cearenses podem ter certeza de que não descansaremos nesse combate ao crime organizado.”

PT do Crato quer impor chapa pura aos aliados
Há revolta dos partidos aliados ao PT no Crato. No final de semana, o Diretório Municipal definiu desobedecer a orientação do prefeito Zé Ailton Brasil, de ceder a vaga de vice-prefeito para um filiado a um partido aliado: PSB, PP ou mesmo PDT, e impôs a escolha de uma chapa formada só por petistas. O candidato a prefeito é André Barreto, e para ser seu companheiro foi indicado Pedro Lobo. Numa nota oficial, o presidente municipal do PT, Maurício Ribeiro, expôs a rasteira dada pelo PT: “Gostaríamos de destacar que essa decisão conta com o apoio unânime dos dirigentes petistas e da nossa base de filiados. As principais lideranças do nosso partido manifestaram seu apoio incondicional à chapa formada por André Barreto e Pedro Lobo, reconhecendo a importância da continuidade de um projeto de desenvolvimento inclusivo e sustentável para o Crato. Pedro Lobo é um cratense dedicado e um filiado histórico do PT no Crato, com uma trajetória política marcada pelo serviço à democracia, à justiça social e ao desenvolvimento da nossa cidade. Sua indicação é fruto de um processo democrático e de reconhecimento pelo seu trabalho incansável em prol da comunidade cratense". E é, também: “a reafirmação da Unidade Partidária”.

Prefeito Zé Ailton não abre mão de alianças
A imposição da candidatura de Pedro Lobo a vice, na chapa do candidato petista André Barreto, desagradou a base aliada do Abolição no Crato. Havia sido firmado o compromisso da vice ser cedida ou ao promotor aposentado, Leitão Moura, do PSB, ou a Rafael Branco , do PP. Só que Pedro Lobo atropelou e fez o Diretório do PT cratense escolher seu nome. Também assegurou o apoio da Federação que inclui o PCdoB e PV. Com o fato resolvido, os partidos aliados ao PT cobram do prefeito Zé Ailton e da direção estadual o compromisso assumido. Há aí um impasse, pois Pedro Lobo e o PT do Crato não negociam mais a vaga de vice-prefeito de André Barreto. Para complicar, Pedro Lobo tirou uma foto ao lado de André e prefeito Zé Ailton. Com a fotografia publicada, passou a declarar que sua indicação tinha o respaldo do prefeito Zé Ailton. Não é verdade. Ze Ailton não deveria ter tirado a foto, pois defende que a vaga de vice seja de um partido aliado. Essa confusão será, agora, encaminhada para o líder do Governo Lula, deputado José Guimarães, buscar uma solução. Irritados, PSB e PP condenam o exclusivismo do PT, na composição da chapa para disputar à prefeitura do Crato.

Camilo não acatou a chapa imposta pelo PT
O ministro Camilo Santana não concordou com a resolução do PT do Crato, no fim de semana. Camilo continua defendendo a unidade entre todos os partidos da base aliada do prefeito Zé Ailton Brasil e do Governo Elmano. Camilo teria avaliado essa posição como uma quebra de acordo com os aliados. E defendeu que esse assunto seja reexaminado. Não emplacou a narrativa do Diretório Municipal, que houve unanimidade em torno do nome de Pedro Lobo para vice. É que apesar das afirmações de consenso geral, a decisão petista por chapa pura, não foi unânime. Houve discussão sobre o acordo de contemplar a base. Vários militantes, como a sindicalista Celiane David, contestaram a decisão do PT cratense, mas foram atropelados pela maioria que apoiava Pedro Lobo. Essa imposição de Pedro Lobo mergulhou a candidatura de André Barreto numa crise inesperada. Para complicar, o PT do Crato, majoritariamente, não admite recuar sobre a composição da chapa. Nem apelos do ministro Camilo farão o partido recuar e aceitar substituir Pedro Lobo.

Rede-PSOL entra na briga pela vice de Fernando
O presidente da Rede Sustentabilidade no Ceará, José Cláudio, quer encaixar o vice na chapa governista em Juazeiro do Norte, liderada pelo deputado estadual Fernando Santana. Nessa segunda-feira, 24, José Cláudio se reuniu com Fernando Santana, em Juazeiro, e afirmou que pretende indicar o vice. Na conversa, Cláudio disse que pretende debater a composição da chapa do PT juazeirense, mas que não vai fazer qualquer imposição. O argumento do dirigente da Rede é que, como a cabeça da chapa vem da federação PT, PCdoB e PV, nada mais justo que a vice venha da federação Rede e Psol. José Cláudio só não disse como pretende convencer o PSOL de Germano Lima, hoje, pré-candidato a prefeito e bem colocado nas pesquisas, a abrir mão de sua candidatura. Na base do PSOL, a informação é que Germano Lima pode ser o nome, caso a tese seja aceita pelo petista Fernando Santana. José Cláudio acredita que é possível fazer o diálogo entre Rede e PT e os partidos da base aliada. A vaga de vice do Fernando Santana está aberta, e é pouco provável que o lugar seja uma indicação da Rede-PSOL. Tem mais partidos de olho na vaga.

Oposição no Crato só cresce com crise no PT
A crise detonada pelo PT do Crato, com a decisão de empurrar garganta abaixo a chapa pura, pode favorecer as candidaturas da oposição de Lucas Brasil e Aloísio Brasil. Detalhe, a oposição também rachou. Mas, a disputa no PT a favorece. Vejamos: a família do próprio Pedro Lobo, pivô da confusão petista , está dividida. Sua irmã, Socorro Lobo, está na base de um dos líderes da oposição, deputado Aloísio Brasil. E há mais crise: o próprio Pedro Lobo garantiu, em visita ao Mercado Walter Peixoto, que se não for o indicado, rompe com a candidatura de André Barreto e vai fazer campanha para a oposição. Contudo, não disse qual será seu real candidato. Pode estar blefando. Porém, a resolução do PT causou uma insatisfação generalizado na base governista do Crato. O promotor aposentado Leitão Moura já disse: se for chapa pura, está fora. Rafael Branco vai no mesmo rumo e tende a cruzar os braços durante a campanha. O presidente da Câmara, Florisval Coriolano (PRTB), foi o primeiro a cair fora e já está fechado com o pré-candidato da terceira via, o vereador Lucas Brasil. Para complicar tudo de vez, o prefeito Zé Ailton Brasil quer uma intervenção do Diretório Estadual.

Disse me disse…
. Presidente Lula garantiu, em sua passagem pelo Ceará, que volta antes das eleições para pedir votos para seus candidatos no Cariri.
. Com a força do ministro Camilo, virá ao Cariri para eleger Fernando Santana em Juazeiro do Norte. E também deve ir ao Crato e Barbalha.
. Presidente do PSDB do Ceará, Élcio Batista, e o ex-senador Tasso Jereissati vão priorizar à reeleição do prefeito Glêdson Bezerra. Estão empenhados nessa vitória.
. Levantamento no TSE aponta cinco municípios que nunca reelegeram um prefeito no Ceará desde 2000.
. Os cinco municípios que barram reeleições são Juazeiro do Norte, Maranguape, Baturité, São Luiz do Curu e Santana do Acaraú.
. Dessas cidades, Baturité continuará sem dar um segundo mandato ao prefeito. Lá, Herbelh Mota se tornou inelegível pela Justiça Eleitoral e não disputará.
. Como se percebe, no Cariri, somente Juazeiro do Norte nunca garantiu a reeleição de um prefeito.
. Desculpe a ignorância, o prefeito Glêdson Bezerra vai conseguir ser o 1º prefeito reeleito de Juazeiro do Norte?

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ