Jornal do Cariri
Familiar cobra auxílio após acidente com ônibus escolar em Caririaçu
Esposa da vítima relata a necessidade de uma cirurgia no hospitalizado, que ainda não foi realizada
Foto: Arquivo pessoal
Natália Alves
28/07/22 13:40

Uma familiar de uma das vítimas do acidente com ônibus escolar, que vitimou 3 pessoas e deixou 13 feridas em Caririaçu, cobra auxílio para realização de cirurgia para o hospitalizado. Natália Amaro de Souza é esposa de Caio da Silva Tomaz, 21 anos, que está internado no Hospital Regional do Cariri com fraturas na bacia, no nariz e no maxilar. A vítima espera por uma cirurgia na bacia.

O prefeito de Aurora, Marcone Tavares de Luna, comentou nesta terça-feira (27), pela primeira vez, sobre o acidente, lamentando a tragédia e informando que no veículo havia 19 pessoas: 17 de Aurora e duas de Caririaçu.

"Eu quero agradecer a solidariedade do povo de Aurora e de Caririaçu, e a competência do SAMU, do Corpo de Bombeiros, da Polícia Militar e da Ciopaer. Passei todos esses dias acompanhando os hospitais, vendo a melhor forma de dar um suporte a cada um que se vitimou nesse acidente." disse o prefeito.

O prefeito disse que está à disposição para ajudar as famílias das vítimas hospitalizadas, e que o município tem recursos para realização de procedimentos e para um maior suporte. Apesar disso, a cirurgia de Caio da Silva ainda não foi realizada. De acordo com a esposa da vítima, eles ainda aguardam um posicionamento da prefeitura sobre a situação.

"Se a prefeitura tem recursos para fazer a cirurgia do meu marido, por que não foi feita ainda? O que Caio está passando, só ele sabe. As dores que ele está sentindo, só ele e nós que somos da família é que sabemos. Estamos vendo o sofrimento dele! A gente está reivindicando algo que é de direito dele. Ele saiu da cidade para jogar futebol e representar a bandeira da cidade. É obrigação deles dar todo o suporte."

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ