Jornal do Cariri
Disputa definida

A disputa entre os grupos políticos de Aurora já está definida. Um encontro com o ex-senador Eunício Oliveira, no dia 23, em Fortaleza, selou a chapa a ser defendida pelo ex-prefeito Adailton Macedo e o ex-vereador Chico Henrique, duas das principais lideranças da oposição local. Adailton se comprometeu em votar em Eunício para federal e teve a autorização para defender o nome de advogado Juarez Saraiva para estadual. Adailton e Chico Henrique representam a base da oposição e devem confrontar seus candidatos com os nomes defendidos pelo prefeito Marcone Tavares, que deve apoiar Fernando Santana para estadual e Domingos Neto para federal. Parlamento definido, majoritária em dúvida. Enquanto Marcone está definido com o nome da base aliada para o Governo, Adailton espera pela definição do MDB, que pode apoiar Capitão Wagner e formar mais um confronto com reflexo em 2024.

Outras vias

A disputa entre o prefeito Marcone Tavares e ex-prefeito Adailton Macedo, em Aurora, pode ser surpreendida por outras duas lideranças locais. As outras duas vias representadas na disputa são o ex-prefeito de Juazeiro do Norte, Raimundo Macedo, que defenderá o filho Davi Macedo para estadual e Nelinho Freitas para federal. Parte da base de oposição, que estará com Raimundão, garante que ele pode surpreender os favoritos. Outro que aparece na disputa é o ex-prefeito Carlos Macedo, também forte liderança local e que colocou o nome como pré-candidato a deputado federal. Carlos Macedo ainda não anunciou seu nome a deputado estadual, mas deve seguir indicação do prefeito de Juazeiro do Norte, Glêdson Bezerra, de quem foi chefe de gabinete até bem pouco tempo. Aqui, também, há dúvidas sobre os apoios ao governo do Estado.

Fechados com o erro

As contas do prefeito de Abaiara, Afonso Tavares, devem chegar à Câmara de Vereadores para análise e votação nos próximos dias. Problema: chegarão desaprovadas pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE), sob indicação de desobediência
à Lei de Responsabilidade Fiscal. A folha de pagamento estourou o limite de 54%. Na oposição, o debate é que Afonso faz política distribuindo cargos numa clara demonstração de uso da máquina. Claro, tudo é argumento da oposição que está fora da Casa Legislativa, porque na Câmara, a tendência é que os nove vereadores votem para derrubar o parecer do TCE. É bom deixar claro que na Câmara, o julgamento é político, o que não exime os vereadores de enfrentar uma crise moral. Mas, a explicação já está na ponta da língua: não houve desvio. Foi para beneficiar a população. Ou seja, todos têm a perder.

Agenda encerrada

Um dos pré-candidatos ao governo pelo PDT, Roberto Cláudio (RC), finalizou sua passagem pelo Cariri, na quarta-feira, 20, nos municípios de Santana do Cariri e Salitre. RC visitou o Museu de Paleontologia e o Pontal da Santa Cruz, em Santana, e ministrou palestra em Salitre. A visita a Santana aconteceu debaixo de muita tensão. A assessoria de RC se articulou com o ex-prefeito Zé Maia, mesmo o atual Samuel Werton sendo da base do Governo. O mal estar teria sido resolvido com uma conversa e um convite pessoal feito por RC. Já em Salitre, a situação foi bem diferente. Uma boa articulação trouxe o prefeito Dodo de Neoclides para a base de apoio. Dodo foi eleito pelo Pros de Capitão Wagner e acabou mudado de lado. RC foi acompanhado, ainda, pelos prefeitos Ítalo Brito (Nova Olinda) e Antônio Filho (Antonina do Norte). Apesar da gafe e do mal estar, a avaliação geral é que a agenda foi positiva.

Mais uma tentativa

E a prefeita de Jati, Mônica Mariano, continua sua saga de desobediência à Justiça. Essa é a avaliação de sindicalistas e servidores do Município. Em mais um capítulo dessa queda de braço, no dia 22, o Ministério Público do Estado encaminhou Parecer Judicial para a Comarca de Porteiras, apontando a desobediência à decisão proferida em agosto de 2021, que mandava reintegrar os servidores demitidos no início da gestão. No período, dois processos seletivos foram realizados, provando haver a carência. Para promotores, professores e população, não há dúvidas de que as demissões foram por motivações políticas. O documento pede o pagamento imediato de multa, com bloqueio das contas pessoais, e afastamento do cargo em caso de novo descumprimento. Resta saber, quem vence essa batalha: a Justiça ou a prefeita Monica. A população assiste.

Dando o recado

O prefeito de Altaneira, Dariomar Rodrigues, mandou um recado claro à classe política do Cariri, sobre ter atitude diante dos abusos cometidos pelo aumento da conta de energia elétrica, ele é contra. O recado foi extensivo e direto à Agencia Nacional de Energia Elétrica (Aneel), reguladora, e a Enel, concessionária do setor no Ceará. Uma postagem nas redes sociais diz: “Altaneira é contra cobrança abusiva na conta de luz”. A postagem, feita no dia 22, confronta a autorização da Aneel para reajustes de 24,85%. Dariomar aproveitou para convocar colegas prefeitos e políticos cearenses, dizendo que não se pode permitir que, “diante de um cenário pandêmico, a conta de luz de nossa gente fique acima do que podemos pagar”. A repercussão foi imediata junto à população. Agora é esperar se a Câmara e outros prefeitos da região se manifestarão.

Enquanto isso...

... A verdade é que o prefeito de Altaneira não está só. Ainda no dia 20, o ex-senador Eunício Oliveira já se manifestava na mesma direção. “O cearense, já tão castigado por um período triste da nossa história, com pandemia, desemprego, fome, inflação nas alturas...”. E Eunício questionou: “Será que vamos ter de voltar aos tempos da lamparina?”

... No mesmo dia, o vice-presidente da Comissão de Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa, deputado Guilherme Landim, protocolou junto ao Decon, Procon e Ministério Público, requerimentos exigindo a fundamentação para o aumento. Para Guilherme, o aumento é abusivo, descabido e desrespeita a população.

... A série de protestos estão sendo fortalecidas pelos encaminhamentos. Além de explicações sobre a base para os aumentos, cobradas por Guilherme Landim, o vice-presidente as Assembleia, deputado Fernando Santana enviou requerimento à Comissão de Defesa do Consumidor da Assembleia solicitando uma audiência pública para debater o tema.

... Além do “aumento abusivo”, Fernando quer discutir a qualidade dos serviços prestados pela Enel no Ceará. Ele cita que a empresa é alvo de muitas reclamações. “É um absurdo que o povo siga pagando cada vez mais caro por um serviço de baixa qualidade!”. Claro, até agora, como sempre, a Enel não se manifestou. É esperar que o movimento dê resultado.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ