Jornal do Cariri
Câmaras refrigeradas, seringas e agulhas chegam ao Ceará em janeiro
Até a primeira quinzena de janeiro, devem chegar 6 milhões de agulhas e seringas, que se somarão às 2 milhões já em estoque
A previsão é que, no primeiro semestre, o Ceará receba 1,7 milhão de doses. Foto: José Wagner
Joaquim Júnior
19/12/20 8:30

A previsão de início para a vacinação no Ceará é o início do mês de fevereiro. Para isso, o Ceará anuncia preparação para executar o Plano Estadual de Vacinação contra a Covid-19. De acordo com o Governo, atualmente já, em estoque, 2 milhões de seringas e agulhas e mais 6 milhões devem chegar até a primeira quinzena de janeiro. Parte das câmaras refrigeradas para armazenamento das vacinas deve chegar também em janeiro.

De acordo com o governador Camilo Santana, a vacinação, prioritariamente, será oferecida aos profissionais de saúde, pessoas idosas e com comorbidades. “Há uma previsão de, no primeiro semestre, o Ceará receber 1,7 milhão doses”, informou o governador. A meta mínima do Governo do Ceará é vacinar 95% dos grupos prioritários, totalizando 1.794.076 pessoas. Ainda no mês de outubro, o Governo do Ceará anunciou a aquisição de 147 câmaras refrigeradas para acondicionar vacinas nos municípios.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ