Jornal do Cariri
Equipes conscientizam a população sobre medidas contra a covid
Agentes são responsáveis por fiscalizar se a população estão obedecendo as normes dos decretos estaduais e municipais.
Foto: Arquivo pessoal
Luan Moura
05/04/21 18:59

Observar o comportamento da população por meio de rondas no mercado e, quando necessário, orientar sobre a importância do uso da máscara, em obediência aos decretos estaduais e municipais. Essa é a principal função da fiscal de Serviços Públicos, Gabrielle Andrade, no período de segunda a sexta-feira, no bairro Pirajá, em Juazeiro do Norte. “Só pelo fato de eles saberem que a fiscalização está presente, já acontece uma maior adesão às medidas de distanciamento e uso da máscara. A função é educar para o cumprimento da organização do espaço público e, se necessário, autuar e multar aqueles que apresentam resistência às orientações”, explica Gabrielle. 

No entanto, segundo a agente, “alguns indivíduos ainda relutam em aceitar e compreender a importância das medidas de prevenção à covid-19, alguns acabam ficando um pouco estressados e sem paciência, mas com calma e diálogo, geralmente conseguimos contornar a situação e fazer valer a regra” completa. Para o gerente de fiscalização da Semasp, Junior Gonçalves, infelizmente não são todos que estão cientes dos reais riscos da covid19, muitos ainda resistem ao uso de máscaras, por isso estamos intensificando a fiscalização nos equipamentos públicos, a fim de orienta-los, sobre o uso obrigatório de máscaras e álcool gel. 

As fiscalizações no município de Crato podem ocasionar, segundo o secretário de segurança pública, Coronel Jarbas, apreensão de veículos, multa aos estabelecimentos e às pessoas, além do fechamento de comércios e atividades irregulares. “Há a necessidade de uma maior adesão da população. Embora tenham obedecido quando abordados, mas o que precisamos é que as pessoas só saiam de casa e, se necessário, que utilizem máscara e promovam o distanciamento entre as pessoas”, orienta Jarbas.

Em Barbalha, a atuação das equipes ocorre durante toda a semana, no período da manhã, tarde e até na madrugada, além do toque de recolher que tem sido adotado pelo município. Segundo o coordenador do departamento de vigilância sanitária, Henrique Albuquerque, o trabalho de fiscalização tem apresentado resultado ao município, “que estava em alto risco de contaminação por covid-19 e, há três dias, nós saímos desse quadro”, pontua. Ela também ressalta que a população está mais maleável agora. “Do período da eleição até antes do carnaval, nós tínhamos muita resistência da população, querendo fazer consumo de bebida alcóolica depois do horário permitido. Agora as pessoas estão menos resistentes”, conclui.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ