Jornal do Cariri
Impresso
x
Acesse sua conta
Em breve.
Baixar Versão impressa
Reta final das convenções é marcada por reviravolta política
Disputa pré-eleitoral em Juazeiro está sendo marcada por muitas reviravoltas.
Madson Vagner
15/09 0:00

A quarta-feira (16) marca o fim do prazo para a realização das convenções partidárias que escolherão candidatos a vereador e prefeitos. Desistências e declaração de adesões ainda são esperadas para os últimos dias de articulações. Em Crato e Barbalha, apesar de algumas convenções ficarem para o último dia, a maioria dos candidatos estão definidos. Na disputa em Juazeiro, está confirmado o nome do prefeito Arnon Bezerra (PTB), que terá como candidato a vice o advogado Gabriel Santana (PT). O acordo saiu durante a convenção petista no domingo (13), depois de uma resolução do Diretório Nacional, contrariando a decisão municipal. A convenção municipal manteve decisão de candidatura própria, tirada no encontro de Tática Eleitoral. Na oposição, o nome do vereador Glêdson Bezerra (Podemos) foi homologado no dia 11, com o Giovanni Sampaio (PSD) como candidato a vice. Giovanni é o atual vice-prefeito de Juazeiro, eleito em 2016 com o prefeito Arnon Bezerra. Giovanni chegou a declarar apoio ao empresário Gilmar Bender (PDT), mas acabou recuando.

Com a situação indefinida, o pré-candidato Gilmar Bender tem convenção marcada para este dia 15, sob ameaça de perda a legenda. O desgaste ocorreu depois de um confronto com o presidente estadual da sigla, o senador Cid Gomes, que declarou apoio à reeleição do prefeito Arnon Bezerra. A queda de braço acabou enfraquecendo Bender na disputa e a tendência é que declare apoio a outra pré-candidatura.

Quem também está definido na disputa em Juazeiro é Demontieux Fernandes (Psol), que homologou sua candidatura no último dia 12. Demontieux terá Franco Duarte como candidato a vice. Outras pré-candidaturas da oposição, como Ana Paula Cruz (PSB), Aurélio Matias (PCdoB) e Nelinho Freitas (PSDB), também esperam definição. Os três realizam convenção nesta terça-feira (15). Apesar das declarações garantirem a permanência na disputa, a tendência é que Ana Paula e Aurélio decidam por alianças para apoiar outras chapas.

Crato e Barbalha

Em Crato, a disputa já tem três candidatos. O primeiro nome a ser homologado, em convenção no dia 8, foi o da professora Zuleide Queiroz (Psol), que terá como vice o professor Juciel Lima. No dia 12, foi a vez do médico Aloisio Brasil (Pros) homologar candidatura, no entanto sem indicação do candidato a vice. Outro nome confirmado na disputa é o prefeito Zé Ailton Brasil (PT), candidato à reeleição. A convenção do dia 13, confirmou a mesma chapa de 2016, tendo André Barreto (PDT) como candidato a vice. O pré-candidato Bebeto Anastácio (PTC) acabou adiando sua convenção para esta quarta-feira (16). Não há definição se Bebeto continua como pré-candidato ou se o partido optará por coligar. Também está indefinida a homologação do pré-candidato Zé Adega (PSD). Não há informação sobre sua convenção ou quem será seu vice.

No município de Barbalha, as homologações ficaram para o dia 16. Apesar de deixarem para o último dia, três nomes devem disputar o pleito. O prefeito Argemiro Sampaio (PSDB), candidato à reeleição, deve manter a mesma chapa vitoriosa em 2016, com o ex-vereador Ernandes Garcia. O médico Guilherme Saraiva (PDT) está definido com o petista Vevé Siqueira como candidato a vice. A surpresa é Expedito Júnior (Cidadania), que manteve o nome na disputa depois de abrir negociação com a base do governo do Estado no Município. Expedito reclama de falta de diálogo na oposição.

Baixe a versão semanal do JC, no botão IMPRESSO, na barra superior do site.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ