Jornal do Cariri
Impresso
x
Acesse sua conta
Em breve.
Baixar Versão impressa
Polícia Civil apreende 73kg de drogas em menos de um mês
Só em Juazeiro, no mês de março, às operações conseguiram tirar de circulação mais de dez quilos de crack, que corresponde a mais de meio milhão de reais.
Foto/Reprodução: Polícia Civil
Luan Moura
23/03 17:06

Em menos de um mês, o Núcleo de Combate ao Tráfico de Drogas (NCTD) da Delegacia Regional de Polícia Civil de Juazeiro do Norte apreendeu 73 quilos de entorpecentes e prendeu seis pessoas na região do Cariri. Só em Juazeiro, no mês de março, às operações conseguiram tirar de circulação mais de dez quilos de crack, que corresponde a mais de meio milhão de reais.

A primeira ação foi a maior até agora e ocorreu no dia 07 de março, nos municípios de Barbalha e Caririaçu. Um casal foi capturado com 70 quilos de entorpecentes, distribuídos em crack, cocaína, maconha e skunk, que é o cruzamento de espécies diferentes de planta cannabis, além de munições e dinheiro. No total, foram 4,5 quilos de crack, 66 munições dos calibres 38 e 9mm, além de três balanças de precisão, documentos diversos, anotações com a contabilidade criminosa, comprovantes de transações bancárias, apetrechos para confecção e embalo dos entorpecentes e a quantia de R$ 2,5 mil.

A segunda apreensão ocorreu no dia 11, no bairro Triângulo, em Juazeiro do Norte, e terminou com três pessoas pegas em flagrante durante a comercialização ilegal: Foram capturadas duas mulheres, de 24 e 28 anos, e um homem de 40 anos, com um quilo de cocaína. A operação para abordagem do grupo ocorreu a partir de investigações já realizadas no bairro João Cabral. Durante as apurações, foi possível perceber como ocorria a distribuição de drogas na região e qual o automóvel utilizado por eles. Com o avanço da investigação, os policiais civis localizaram o veículo onde estava o trio e realizou a diligência. Além da droga, os policiais encontraram dois celulares e R$ 290 em espécie. O automóvel utilizado também foi confiscado. No veículo também estavam quatro crianças com idades entre três e 11 anos, uma prática que, segundo o delegado responsável Felipe Marinho, é característica do grupo investigado durante a entrega de drogas. 

A última operação foi realizada na terça-feira (16) e resultou na prisão em flagrante de Maria Analia Moreira, de 29 anos de idade, suspeita de transportar dois quilos de crack para a região do Cariri. A droga, que estava avaliada em mais de R$ 50 mil, chegava à rodoviária de Juazeiro do Norte, quando foi interceptada pela NCTD. Com ela, foram apreendidos dois quilos de crack, divididos em dois tabletes, R$100 em espécie, além de um celular. A polícia observou que Anália fazia viagens intermunicipais para transportar entorpecentes de uma região para outra, em pequenas quantidades para não despertar o olhar das autoridades policiais.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ