Jornal do Cariri
Médica defende combate incisivo com multas e rigor
A médica Kellen Nobre teme o colapso no sistema de saúde do Cariri
Para a médica Kellen Nobre, a situação da covid-19 no Cariri deve ser encarada como uma realidade com consequências reais. Foto: Divulgação
Robson Roque
14/07/20 19:00

Para a médica Kellen Nobre, que atua em Juazeiro do Norte, as medidas de enfrentamento ao novo coronavírus poderiam ser mais incisivas no Cariri, com patrulhamento, multas e uma fiscalização mais rigorosa.

A profissional de saúde enfatiza que parte considerável da população “ainda precisa encarar a situação como real e com consequências reais”. Isto porque são muitas as pessoas que desrespeitam as recomendações de isolamento - que inclusive se tornaram obrigatórias com a decretação de lockdown em Crato, Juazeiro do Norte, Barbalha e Brejo Santo.

A médica também diz notar relatos de pessoas infectadas e que, por isso, deveriam ficar em casa, saindo de casa sob o risco de infectar outras pessoas.

“A saúde na nossa região não suportaria uma explosão de casos graves e estamos vendo a situação se agravar e caminhar para um colapso. Talvez, se as medidas de isolamento tivessem sido respeitadas desde o início, não precisaríamos do lockdown e, mesmo quando estamos precisando dele, não se respeita. Precisamos nos unir para cumprir as medidas de isolamento social”, ressalta Kellen Nobre.

PUBLICIDADE
PUBLI_Requerimento_ASV.pdf
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ