Jornal do Cariri
Justiça proíbe eventos políticos com aglomerações em Campos Sales
Decisão judicial atende a uma recomendação do MPCE
Foto: MPCE
Luan Moura
04/11/20 17:00

A Justiça Eleitoral, atendendo recomendação do Ministério Público, proibiu a realização de eventos de campanha que gerem aglomeração em Campos Sales, sob qualquer forma ou pretexto. A decisão da juíza Carliete Roque Gonçalves Palácio engloba dois eventos que já estavam agendados para os dias 31 de outubro e 14 de novembro. Em caso de descumprimento, a Justiça prevê multas de R$ 50 mil para os candidatos e de R$ 100 mil por partido e coligação, por evento realizado.

A juíza também deu prazo de 24 horas para que a decisão de não realizar eventos seja amplamente divulgada aos militantes. A decisão judicial foi recomendada pela promotora de Justiça Efigênia Coelho, da 38ª Zona Eleitoral, após duas reuniões com as coligações “Campos Sales da nossa gente” e “Para o progresso continuar”, encabeçadas, respectivamente, por Solano Feitosa (PSD) e João Luiz (PDT).

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ