Jornal do Cariri
Impresso
x
Acesse sua conta
Em breve.
Baixar Versão impressa
Garis voltam ao trabalho após semana de greve em Juazeiro do Norte
Funcionários da limpeza urbana de Juazeiro voltam ao trabalho
Juliana Sátiro
20/11 19:00

Após quase uma semana de paralisação na limpeza pública em Juazeiro do Norte, as atividades foram retomadas no município. A situação foi resolvida após acordo entre a Secretaria do Meio Ambiente e Serviços Públicos, representantes dos funcionários de limpeza pública e a empresa MXM Soluções Ambientais, que solucionou os pontos reivindicados. Os trabalhadores terceirizados da limpeza pública iniciaram a greve com intuito de reivindicar o atraso salarial e a falta de pagamento das verbas trabalhistas. Por conta disso, em inúmeros pontos houve acúmulo de lixo – situação que foi regularizada a partir do acordo estabelecido.

Inicialmente, 330 trabalhadores entre coletores de lixo, profissionais da varrição e podadores, reivindicavam o atraso do pagamento mensal, feito pela empresa MXM Soluções Ambientais, que é responsável pela coleta de lixo no município. Segundo eles, ao invés do pagamento de salário ter sido feito nos primeiros cinco dias úteis do mês, só foi realizado no dia 18 de novembro, após o início das manifestações. Ao ser questionada sobre o assunto, A MXM Soluções Ambientais informou, através de nota, que os salários dos funcionários da limpeza urbana de Juazeiro foram devidamente pagos. Eles ainda afirmam que seu posicionamento é de respeito aos direitos trabalhistas de seus funcionários, mas que o movimento é ilegal, pois não cumpre os requisitos da lei de greve.

Os profissionais, por sua vez, alegaram que a MXM vem descumprindo a convenção, não realizando pagamento das verbas trabalhistas corretamente. De acordo com Josenias Gomes Pereira, presidente do Sindicato dos Empregadores em Empresas de Asseio e Conservação do Ceará (SEEACONCE), está ocorrendo atraso no Fundo de Garantia no Tempo de Serviço (FGTS), as férias não são pagas integralmente e o vale alimentação está reduzido pela metade. “Isso gera uma grande incerteza para os trabalhadores, não tendo como ficar de braços cruzados”, explicou Josenias.

Após a reunião ocorrida na última sexta-feira (20), a Secretaria de Meio Ambiente e Serviços Públicos (Semasp), emitiu nota, informando que ficou acordado o retorno dos funcionários de limpeza pública ao trabalho. “A Semasp já havia anunciado os repasses realizados à empresa prestadora dos serviços, e solicitou que houvesse celeridade no retorno das atividades, diante da resolutividade dos pontos reivindicados. A categoria se mostrou satisfeita e firmou, mais uma vez, compromisso e lealdade para com a população juazeirense”, afirma a nota.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ