Jornal do Cariri
Clima de terceiro turno em Juazeiro do Norte
Glêdson e Giovanni enfrentam investigação antes da posse
Robson Roque
20/12/20 15:30

A chapa vencedora nas eleições deste ano em Juazeiro do Norte, formada por Glêdson Bezerra (Podemos) e Giovanni Sampaio (PSD), enfrenta novo processo na Justiça Eleitoral. Antes da posse, no dia primeiro de janeiro, prefeito e vice eleitos terão de justificar possíveis gastos omissos durante a campanha Eleitoral.

A denúncia partiu do advogado Gabriel Santana (PT) candidato a vice de Arnon Bezerra (PTB). Segundo a queixa, Glêdson e Giovanni tiveram à disposição o helicóptero de Gilmar Bender para atos de campanha. Tanto o uso da aeronave, quanto gastos com combustíveis não constaram na prestação de contas. O Ministério Público Eleitoral pediu que a chapa apresente justificativa.

Em entrevista ao repórter Murilo Siqueira (Rádio Progresso), na sexta-feira (18), Glêdson disse estar pronto a responder a qualquer acusação feita. Considerou, ainda, que a denúncia "brinca" com a inteligência do eleitorado juazeirense.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ