Jornal do Cariri
Impresso
x
Acesse sua conta
Em breve.
Baixar Versão impressa
Atleta de Santana do Cariri se destaca em competição
Foto: Divulgação
Luan Moura
21/09 16:48

Natural de Santana do Cariri, o atleta Valdivino Ribeiro, de 24 anos, foi destaque no Night of Champions, competição de fisiculturismo realizada pela empresa NPC Proleague Pernambuco, em Recife, nos dias 12 e 13 de setembro. Com a performance, o competidor foi campeão na categoria Classic Physic e Open até 1,78m e ficou no Top 2 nas categorias Mensphysique, que o competidor usa uma bermuda no lugar da sunga, e nas sub-categorias Estreantes, Novice e Open. O resultado rendeu três medalhas de prata, um troféu de 1º lugar e o credenciamento para o Arnold Classic, que acontecerá em abril de 2022, na cidade de São Paulo.

Praticante da musculação há quase dez anos, Valdivino definiu sua participação no evento com o sentimento de dever cumprido. “Eu sei bem cada sofrimento que passei na preparação, cada momento que estive exausto, mas mesmo assim fazendo os treinos e os cardios, e quando fui chamado como campeão, até me emocionei no backstage, chorei bastante agradecendo a Deus. Foi um sentimento de dever cumprido”, comemorou o atleta, que integra o time SMA, junto com outros atletas, que também competiram. Essa é a terceira participação do santanense em eventos de musculação, desde o início de sua motivação para competir, que começou em 2017, quando assistiu a um evento pela televisão, em que uma amigo participou. “Em 2018, fiz minha estreia num evento que ocorreu no Juazeiro do Norte”, lembra o atleta, que ficou em segundo na categoria Mensphisyc.

Ele chegou a passar um período parado, mas retornou em setembro de 2020. “Surgiu essa competição no Pernambuco, onde eu, juntamente com meu Coach, Saulo Martins, resolvemos fazer o trabalho pra ir participar, mesmo tendo sido adiada algumas vezes, por ter pego covid-19 no processo, ainda mantive o foco e participei”, disse. Nas competições de fisiculturismo, os atletas são julgados por um conjunto de fatores, a exemplo da definição muscular, o tamanho dos músculos, a simetria e a estética. Além disso, a desenvoltura do atleta durante a apresentação também é considerada. Para chegar a um resultado a altura para alcançar o pódio, exige muito esforço, força de vontade e dedicação de treinos, aliados a uma alimentação regrada.

“A dieta é bem restrita, os treinos são intensos, tem que manter um gasto calórico alto, aí dependendo do estágio da preparação, tem que fazer mais de dois cardio por dia, sem contar a quantidade de água que varia, às vezes muito alta, às vezes quase nada. O processo é bem desgastante, mas quando se tem um sonho, um propósito, só confiar em Deus e fazer o que deve ser feito”, afirma. Após o resultado, o atleta já projeta seu próximo objetivo, que será uma competição na cidade de Maranguape, ainda este ano.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ
PUBLICIDADE
RECOMENDADAS PARA VOCÊ